Manchester City quer mudar regras do mercado de transferências inglês

Segundo avança o diário desportivo inglês “Daily Mail” esta sexta-feira, os campeões em título Manchester City querem mudar o mercado de transferências em Inglaterra com apenas uma regra.

Segundo a mesma fonte, o que os citizens pretendem é colocar o mercado inglês em pé de igualdade com as restantes ligas europeias através de uma alteração na calendarização. Visto que o mercado em Inglaterra costuma fechar nos primeiros dias do mês de agosto – este ano foi no dia oito – enquanto que o resto dos mercados é quase um mês depois – este ano fechou a dois de setembro – a medida passaria por o mercado inglês encerrar ao mesmo tempo que as restantes ligas.

Na base desta mudança proposta pelo Manchester City está o facto de que durante esse mês de diferença entre os fechos de mercado, os clubes ingleses podem perder jogadores, no entanto, não podem colmatar essas saídas visto que não podem trazer novos atletas para o clube – seja a título definitivo ou por empréstimo.

Segundo os emblemas britânicos, isto coloca-os em posição de desigualdade perante os restantes países e os citizens querem poder contratar até ao final de agosto jogadores das restantes ligas estrangeiras. Contudo, querem manter a proibição de, assim que começa a Premier League, não se puder realizar negócios entre equipas inglesas.

A regra proposta pela equipa de Pep Guardiola irá a votação no mês de fevereiro e em novembro deste ano haverá uma reunião dos órgãos responsáveis para discutir a mesma.

Francisco Carvalho

Desde tenra idade que duas paixões me cativaram, desporto e a escrita, sendo a sua união o cenário ideal. Cedo percebi que com esforço e dedicação poderia juntar uma paixão a uma profissão, sendo o jornalismo a resposta. Numa geração onde a banalização e a desvalorização da informação são recorrentes, quero mostrar a relevância do mundo jornalístico em toda esta sociedade cativante que nos rodeia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.