Eleven Sports : a operadora que veio “revolucionar” o desporto na televisão nacional

Na semana em que se iniciaram as competições europeias, é da Liga dos Campeões que venho falar. Pela primeira vez em muito tempo, a maior competição de clubes não passa na Sport TV.

Se por um lado é bom porque vai proporcionar novos comentadores, novos métodos de trabalho e também um conteúdo tratado de forma diferente. Por outro a Eleven Sports, canal que recentemente, para além da Liga dos Campeões, também adquiriu três das ligas europeias mais importantes: a Liga Espanhola, Francesa e alemã, apenas está inserida no pacote da operadora Nowo. Nem Altice, nem Vodafone, nem a Nos tem a possibilidade de dar aos seus utilizadores a possibilidade de adquirir esse serviço.

E porquê? Porque estão presos aos contratos com a Spor Tv, entidade que até aqui monopolizava o futebol. Contudo, agora o cenário mudou. A Eleven Sport, empresa britânica que há pouco tempo ao nosso país, comprou os direitos de algumas ligas estrangeiras para Portugal e está tentar implementar uma nova era televisiva para o futebol em Portugal.

Contudo, neste momento, há imensos assinantes que estão a pagar para poder assistir aos desportos que mais gosta, mas não podem, porque em Portugal as empresas não negociam e cada uma só pensa em enriquecer os seus bolsos. E apesar das intenções da Eleven Sport serem as melhoras, até agora não tem chegado para satisfazer os amantes do futebol e do desporto em geral.

Numa entrevista ao jornal, Observador Danny Menken, diretor-geral da Eleven Sports, disse que “o objetivo da Eleven Sports não é apenas adquirir direitos de transmissão e colocá-los no ar, de forma crua e despersonalizada.” O principal objetivo é tentar passar para os espetadores a verdadeira essência do futebol.

Neste momento, as negociações com a NOS, a MEO/Altice e a Vodafone apara obter a distribuição total dos canais ainda estão a decorrer.  Entretanto, e apesar de ainda não estar bem esclarecido, a Nowo anunciou o lançamento de serviço IPTV, onde se pode assistir à televisão através de um protocolo de internet.

Para bem do futebol, era bom que tudo levasse um “bom porto” e que o futebol pudesse chegar a todos.

Cristiana Pina

Licenciada em Comunicação Social pela ESEV. Sou uma pinhelense de gema que adora futebol e toda a magia que lhe é inerente. Escrever é uma das minhas grandes paixões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.