Chris Hughton despedido do Brighton

Chris Hughton foi despedido do Brighton Hove and Albion depois de quatro anos e meio ao leme da equipa. Os “seagulls” sobreviveram à despromoção por apenas dois pontos.

A campanha do treinador inglês desde o início de 2019 foi sofrível, com 11 pontos ganhos em 54 possíveis na Premier. Esta é uma das razões para Tony Bloom, o presidente do clube, despedir Chris Hughton.

“Sem dúvida que esta foi uma das decisões mais difíceis que tive de fazer enquanto presidente do Brighton mas, afinal de contas, tive de fazê-la devido à nossa incapacidade na segunda parte da época (…) O Chris vai ser sempre relembrado pela estrutura do Albion e pelos adeptos como um dos melhores treinadores e mais respeitados”, afirmou Tony Bloom.

Hughton iniciou funções no Brighton em  2014, quando este estava ainda nos play-offs de manutenção do Championship, a segunda divisão inglesa. O treinador de 60 anos levou o clube à Premier League em 2017. Neste ano conseguiram a manutenção na última jornada na 17ª posição, apesar de terem perdido com os campeões Manchester City.

David Silva

Lourinhanense de gema, é estudante de Ciências da Comunicação na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas. Tem como hobby a escrita, e como paixão o futebol.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.