OPINIÃO | Uma desilusão chamada Manchester United

A culpa não era só do Mourinho. O Manchester United atingiu na passada quarta-feira, frente ao rival Manchester City,  mais um recorde negativo.

Com a derrota em casa frente ao Manchester City por 2-0, o Manchester United sofreu a sétima derrota em nove jogos. Números muitos negativos que se juntam ao sexto lugar na tabela classificativa da Premier League, a 25 pontos do líder.

A época dos Red Devils está a ser uma autêntica desilusão. Neste momento já não estão a lutar por nenhuma competição:  foram eliminados da Liga dos Campeões frente ao Barcelona, caíram com estrondo na Taça da Liga Inglesa após serem eliminados pelo Derby Country do Championship. Na Taça de Inglaterra caíram frente ao Wolverhampton.

O internacional francês é um dos criticados pelos adeptos ingleses

 

Dentro da equipa foram várias as polémicas que envolveram os vários jogadores ao longo da época. A falta de empenho dos jogadores, o descontentamento para com a equipa técnica e falta de liderança são algumas das razões apontadas para todo este fracasso.

Pogba, a estrela da equipa, tem sido um dos jogadores mais criticados.  A sua falta de empenho, a má forma física e o seu mau comportamento têm estado ma ordem do dia. A sua saída no final da época parece quase certa, e o Real Madrid é um dos possíveis destinos.

Solskjær, treinador que assumiu o comando, em Dezembro de 2018, até começou de forma positiva. A equipa parecia rejuvenescida e com disposição de virar a página dos maus resultados. Entrou numa espiral de 14 vitórias em 17 jogos possíveis, onde empatou com o Liverpool e eliminou o PSG nos oitavos da Champions, após vencer no Parque dos Príncipes por 3-1.

Tudo indicava que a equipa de Old Trafford pudesse continuar o ciclo positivo e lutar pela entrada no top 3 da Premier League. Porém, aconteceu precisamente o contrário. Desde então, o Manchester United só conseguiu vencer dois jogos, nos últimos sete encontros. Em campo, a equipa parece perdida e até Solskjær, que recentemente assinou um contrato de três anos pode ter o lugar em risco.

Recordo que o Manchester United tem tido muita dificuldade em resgatar a formula do sucesso que o clube teve com Alex Ferguson. Desde o anúncio da sua aposentação,  o clube não voltou a conquistar a Liga Inglesa, e tem batido recordes negativos. Em 2013/14 terminou o campeonato em sétimo lugar, a pior colocação da sua história.

Apesar do grande investimento dos últimos anos, o clube ainda não conseguiu regressar às grandes conquistas

Na história recente, o período de mais sucesso do clube foi com José Mourinho ao leme, e remonta à época 2016/2017, onde o Manchester United conseguiu vencer a Liga Europa e a EFL Cup. Na temporada seguinte os Red Devils até ficaram em segundo lugar no campeonato, mas com uma diferença de 19 pontos para o primeiro lugar.

A verdade, é que apesar do grande investimento dos últimos anos o  Manchester United  tem estado afastado das grandes decisões. Ao longo dos últimos anos o clube tem muita dificuldade em implementar a mística de outrora e regressar aos grandes palcos.

 

Cristiana Pina

Licenciada em Comunicação Social pela ESEV. Sou uma pinhelense de gema que adora futebol e toda a magia que lhe é inerente. Escrever é uma das minhas grandes paixões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.