João Palhinha e o regresso a Alvalade

O médio João Palhinha, que no início da época fora emprestado pelo Sporting CP ao SC Braga, pode estar nos planos dos leões já no final desta temporada sendo que, os moldes financeiros que envolvem o eventual regresso do médio de 23 anos, podem ser alvo de um esgrimir de argumentos entre os dois clubes.

Importa referir que o acordo envolveu o empréstimo com dois anos de duração, ou seja, até final da época 2019/2020 com um regresso possível a meio da temporada, sempre com negociação ainda que, sem cláusula com um valor estipulado.

Segundo o presidente dos arsenalistas aquando da assinatura do acordo: “Palhinha é um jogador que já vínhamos a trabalhar para conseguir contar com ele, porque era um desejo do treinador. Felizmente conseguimos. Confirmo também que o Palhinha veio numa situação que não é aquela que mais desejávamos, mas foi o melhor entendimento entre as duas partes. Vem emprestado por dois anos, até 2020, com três condições”

Condições:

A primeira das condições apontadas por António Salvador alega que os leões podem resgatar o médio no final da temporada, mediante o pagamento de uma indemnização ao emblema minhoto

A segunda condição refere que, caso o jogador seja vendido até 2020, os bracarenses têm direito a uma percentagem sobre essa venda

A última condição aponta para o facto de que, os arsenalistas terão sempre direito de preferência sobre o atleta.

De recordar que o jovem leão está vinculado ao Sporting Clube de Portugal até 2023, com uma cláusula de rescisão de €45 milhões

Guilherme Freire Coelho

Alfacinha apaixonado pela vida e dela, faz parte o futebol. Defendo-o como desporto, respeito-o pela vertente social e admiro-o como espectáculo. A bola, é mero instrumento para os artistas brilharem. Não escrevo sobre bola mas sim, sobre Futebol, sempre de forma transparente, com fair-play e....sem respeito pelo acordo ortográfico.....

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.