Jadon Sancho, o wonderkid inglês da Bundesliga

Bilhete de Identidade

Nome: Jadon Malik Sancho

Sancho tem-se vindo a afirmar cada vez mais no Dortmund

Data de nascimento: 25-03-2000

Nacionalidade: Inglesa

Peso: 76kg

Altura: 180 cm

Posição: Extremo

Clube: Borussia Dortmund

Número: 7

Em Agosto de 2017, no dia de fecho do mercado, uma transferência surpreendeu o mundo do futebol em Inglaterra. Um dos mais promissores talentos das camadas jovens do Manchester City assinara pelo Borussia Dortmund por uma quantia a rondar os 7,84M de euros.

Jadon Sancho, com somente 17 anos na altura, teve a coragem de fazer o que poucos jogadores ingleses têm: sair da Premier League em busca de mais oportunidades num campeonato estrangeiro. O extremo que herdou o nº 7 do Borussia, anteriormente usado por Ousmane Dembélé, que havia deixado o clube por uma quantia recorde.

Após se ter estreado com 17 anos, 6 meses e 26 dias, a sua primeira época por terras germânicas, ficou pautada por um total de 12 presenças em campo, nos quais providenciou quatro assistências e marcou um golo mágico.

Dessas 12 presenças, destaque para o embate com o Bayer Leverkusen. Sancho providenciou duas assistências nesse jogo e ainda assinou o seu nome na lista de marcadores.

Na presente temporada, e atualmente com 18 anos, Sancho ainda não se conseguiu afirmar totalmente na equipa do Dortmund mas os números falam por si: cinco assistências e um golo em 6 partidas. Se os números, por si só, são impressionantes, passam a ser ainda mais quando notamos que ainda não completou um jogo completo.

As suas cinco assistências concedem-lhe, para já, o título de rei de assistências nos principais campeonatos europeus. Nenhum outro jogador, nem mesmo os habituais nomes de peso, conseguiram assinar tantas assistências até ao momento.

Com 5 assistências, lidera o ranking de assistências nos principais campeonatos europeus

A influência de Sancho é notória. O Dortmund marcou em cada 124 minutos que o jovem inglês esteve em campo, sem ele tem marcado a cada 416 minutos.

Após o jogo com Bayer Leverkusen, partida em que o Dortmund recuperou de uma desvantagem de 2-0 para 2-4, o capitão Marco Reus deixou elogios a Sancho e classificou-o como uma arma secreta.

“O adversário sabe que quando o Jadon entra, temos uma arma a entrar. Fico feliz por o termos na manga”, afirmou Reus.

É notória a boa relação (e entrosamento) entre Reus e Sancho

Ainda por se afirmar na equipa alemã (o que não deverá tardar muito a suceder, dado os números que tem vindo a apresentar) e a se estrear na seleção principal inglesa, Sancho é um talento a seguir com muita atenção no futuro. Um verdadeiro wonderkid.

André Fernandes

Licenciado em Ciências da Comunicação pela FCSH/NOVA. Madeirense, adepto de futebol e da escrita, marcar golos na vida e chegar o mais longe possível é um dos meus objetivos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.