Bombas de Ghazaryan roubam dois pontos às Águias

No jogo de abertura da jornada 6 da Liga Nos, o Benfica não foi além de um empate a dois, em Trás-os-montes, frente ao Chaves. O golo de Ghazaryan aos 93 minutos fez com que os encarnados escorregassem pela segunda vez neste campeonato, pouco mais de um mês depois do empate com o Sporting.

Numa partida que esteve em risco de não se realizar devido às condições meteorológicas, os comandados de Rui Vitória entraram no jogo praticamente a ganhar. Logo aos 3 minutos, Rafa marcou o primeiro dos encarnados. Apesar da vantagem madrugadora das Águias, boa resposta por parte dos transmontanos que conseguiram criar algumas oportunidades de golo, sem conseguir concretizá-las no entanto. Estávamos perante um jogo aberto em Chaves, com lances de perigo de parte a parte e, surpreendentemente, com algum domínio da equipa de Daniel Ramos. Chegámos ao intervalo com 1-0 favorável ao Benfica, mas com desfecho final totalmente em aberto.

Na segunda parte entrou melhor o Benfica. Os vice-campeões nacionais iam gerindo a vantagem e observávamos algumas dificuldades por parte do Chaves para incomodar a defesa encarnada. Depois de algumas oportunidades desperdiçadas pelo clube da Luz, chegou o golo do Chaves. Ghazaryan, através de uma bomba de livre direto, empatou o jogo e colocou os adversários em maus lençóis à passagem do minuto 75. No entanto, o empate nem 10 minutos durou e Rafa voltou a marcar. O extremo português bisou no jogo e voltou a colocar o Benfica na frente. Rúben Dias desmarcou Rafa que, frente a frente com Ricardo, não desperdiçou. Tudo apontava para mais três pontos conquistados para os encarnados. Porém, não foi bem assim. Aos 87 minutos, Conti foi expulso, deixando a sua equipa a jogar com menos um jogador nos derradeiros minutos e ao cair do pano, Ghazaryan foi herói e bateu Vlachodimos pela segunda vez. Jogada “à Barcelona” no ataque do Chaves, que acabou com nova bomba do arménio no fundo das redes do guardião do Benfica. 2-2 foi o resultado final.

Grande jogo em Chaves, com o Benfica a não conseguir segurar a vantagem, por 2 vezes, e a perder 2 pontos na corrida pelo título. Resultado justo para aquela que foi a produção das duas equipas durante o jogo. Com este resultado, as águias arriscam-se a ser ultrapassadas pelo Braga e pelo Porto, uma semana antes do clássico frente aos azuis e brancos. Já o Chaves, volta a conseguir uma boa exibição e a mostrar que a equipa está a crescer e tem muito potencial.

Daniel Sousa

Nascido e criado na Ilha da Madeira e neste momento a estudar Ciências da Comunicação na FCSH. Com um gosto enorme pelo futebol e pela escrita, está sempre aberto a novos desafios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.