Dois golos no período de compensação ditam divisão de pontos entre Portugal e a Bélgica

A Seleção Nacional de Futebol Feminino empatou esta sexta feira, com a Bélgica 1-1.  Os golos das duas equipas foram apontados nos instantes finais da partida por Tine de Caigny aos 90, e por Dolores Silva aos 90+4.

A jogar em casa, a Seleção Belga partia como favorita, enquanto a Seleção Nacional partia com a vontade de fazer história, após a conquista de um terceiro lugar inédito, na Algarve Cup.

Com um domínio claro das pupilas de Francisco Neto, a primeira parte foi escassa de oportunidades flagrantes. Contudo, ressalva-se  um livre apontado pela equipa belga que acabou com um golo anulado devido a um fora de jogo.

Na segunda parte a equipa Belga assumiu o jogo, e teve ao minuto 51 uma oportunidade soberana. Penalty cometido por Raquel Infante, e Tessa Wullaert, chamada a converter o castigo máximo, atirou ao poste da baliza defendida por Inês Pereira.

Após alguns lances falhados de parte a parte, a emoção estava guardada para o final da partida, com dois golos no período de compensação.

A seleção Belga, foi a  primeira a chegar ao golo por Tine de Caigny aos 90, na sequência de um canto. Apesar do resultado injusto, as jogadoras portuguesas não baixaram os braços, e é após um grande momento de futebol protagonizado por Jéssica Silva, que surge uma grande penalidade a favor da equipa das quinas devido a uma mão na bola. Chamada a converter, Dolores Silva não falha e aponta o golo da igualdade.

Com este resultado, Portugal mantém o 3º lugar do grupo com quatro pontos. Enquanto a Bélgica soma 10 pontos, e está a cinco do líder do grupo, a Itália, que tem mais um jogo realizado.

O próximo jogo da equipa lusa está agendado para o mês de agosto, e será precisamente frente à quadra azzurra. 

 

 

Cristiana Pina

Licenciada em Comunicação Social pela ESEV. Sou uma pinhelense de gema que adora futebol e toda a magia que lhe é inerente. Escrever é uma das minhas grandes paixões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.