Golo anulado ao PAOK provoca o caos no futebol grego

O PAOK recebeu este Domingo o AEK, em jogo a contar para a 25º jornada do campeonato grego, mas o jogo não chegou a acabar.

A partida corria dentro da normalidade, até que já depois do minuto 90, Fernando Varela, defesa do PAOK, conseguiu introduzir a bola na baliza adversária, mas o árbitro viu uma infração no lance e decidiu anular o golo. A partir daí, o caldo entornou-se: Um autêntico exército de adeptos da equipa da casa invadiu o relvado, liderados pelo seu presidente. Ivan Savvidis trazia consigo uma arma, o que suscitou a curiosidade das redes sociais.

O árbitro decidiu que não estavam reunidas as condições necessárias de segurança, e, como tal, o jogo foi cancelado. O PAOK já tinha recebido sanções aquando do jogo contra o Olympiakos, que incluíram a perda dos 3 pontos e 2 jogos à porta fechada.

As duas equipas encontram-se separadas por 4 pontos, sendo o AEK primeiro classificado, enquanto o PAOK ocupa a terceira posição.

João Ferreira

Um jovem apaixonado por futebol que encontrou neste projeto a essência do seu verdadeiro amor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.