Após declaração de insolvência do SC Farense, o clube vai recorrer da decisão

No passado dia 21 de Fevereiro, o Juízo do Comércio de Olhão do Tribunal Judicial da Comarca de Faro decretou a insolvência do Sporting Clube Farense. Nesta quarta-feira, o clube anunciou que irá recorrer da decisão tomada pelo tribunal.

Em comunicado, o emblema de Faro revelou ter tomado a decisão na sequência de uma ação judicial estabelecida por uma ex-funcionária, em 2011, acrescentando que iria recorrer da sentença.

Contactado pela Agência Lusa, António Correia, presidente do Farense, reafirmou a vontade do clube recorrer da decisão e, por outro lado, tentar alcançar um acordo com a ex-funcionária, de forma a evitar o processo de insolvência.

O tribunal estabeleceu um prazo de 30 dias para a reclamação de créditos. O tribunal que agendou, também, uma reunião de assembleia de credores, para 16 de abril. Por seu lado, o recurso da sentença pode ser apresentado dentro de um prazo de 15 dias.

O Sporting Clube Farense, fundado em 1910 e que disputou o principal escalão do futebol português em 23 ocasiões, conta atualmente com uma série de modalidades, incluindo futebol, mas apenas nas camadas jovens, já que a gestão do futebol sénior encontra-se a cargo da SAD.

André Fernandes

Licenciado em Ciências da Comunicação pela FCSH/NOVA. Madeirense, adepto de futebol e da escrita, marcar golos na vida e chegar o mais longe possível é um dos meus objetivos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.